domingo, 28 de fevereiro de 2010

ligar ou não ligar?

tento negar a minha própria vontade. não consigo recordar-me do número de vezes que marquei o numero dela e não consegui completar a chamada. sinto saudades dela, de fazer amor com aquele corpo alvo, com aquela alma estranha que se foi entranhando no meu ser. eu estava decidida a assentar, estou farta de relações falhadas, pessoas que me usam e deitam fora. preciso de construir um ninho, uma família, um futuro consistente dentro dos padrões ditos normais. naquele fim de tarde com uma simples frase conseguiu despoletar inúmeros desejos e fantasias esquecidas. mas que tola sou em deixar-me ir nas suas conversas!?! que estúpida sou em ainda sentir algo por ela! será que as minhas relações com o sexo oposto falharam por estar sempre presa na espera que fossem como ela, minha fera Eva.. só consigo recordar os bons momentos a seu lado, das orgias regadas a vinho branco e champanhe, das paragens do tempo que fazia para as duas em que espezinhava os homens que a devoravam com o olhar e me dizia ser só minha! que a sua alma me pertencia mas que poderia emprestar o corpo ao devaneio da carne.. cada uma seguiu o seu caminho, eu preciso de paz... mas...não fará mal nenhum só pecar mais uma vez a seu lado numa ultima pitada de loucura.. vou ligar-lhe..
- olá..sou a Amanda
- Eu sabia que ligarias...

4 comentários:

Anónimo disse...

hummm.... conta o resto.
estou a gostar dessas "máscaras".
bjs amorzinho.

Amaterasu disse...

amorzinho?
biolas do meu cantar?

johnny disse...

Ligam sempre.

Anónima disse...

Gosto do que escreves. É profundo. Não sei mais o que dizer, pois nao tenho jeito como tu. :P