sábado, 2 de abril de 2011

Metamorfose

Os dias passam e as mudanças ocorrem sem que consiga absorver a magnitude das transformações que germinam em mim e nos outros. Nos últimos meses senti o tempo duma forma que ainda não tive hipótese de analisar sem ser pelos sentidos. O tempo continua com o seu tempo, mas a minha percepção dele alterou-se. O mundo gira no seu eixo, a sociedade transmuta-se e eu parei; para tentar descodificar a metamorfose que sofro e o mundo sofre. Sem no entanto entender e qualificar o ser em que me estou a tornar, o mundo que está a eclodir.. Tento não culpar o tempo e as alterações que ele traz consigo... Não é ele que tem a culpa, somos nós com as consequências das nossas acções que mudamos os caminhos e os significados da nossa existência consoante a maré das necessidades e dos sonhos.

3 comentários:

Dunuv... disse...

já não sobra muito desse tempo sonhado.
abraço.

Cota disse...

Se essa metamorfose implica maturação, então é sonhando que nos tornamos maduros...

Crescer e ganhar traquejo para viver a vida é um processo de maturação...
É, contudo, no fundo do nosso ser que reside a nossa personalidade e essa muito dificilmente é corruptível...

Escrita Online disse...

Para quem gosta e QUER escrever:

CONCURSO ONLINE de ESCRITA.

Regulamento já disponível em: http://escrita-online.blogspot.com

Boa sorte!